<meta>

Você está lendo a versão em inglês deste conteúdo porque ainda não há uma tradução para este idioma. Ajude-nos a traduzir este artigo!

O elemento HTML <meta> define qualquer informação de metadados que não podem ser definidos por outros elementos HTML. (<base>, <link>, <script>, <style> ou <title>).

Categoria de conteúdo Conteúdo de metadado. Se o itemprop atributo estiver presente: flow content, phrasing content.
Conteúdo permitido Nenhum, é um elemento vazio.
Omissão de tag Como é um elemento vazio, a marcação inicial deve estar presente e a de fechamento não.
Elementos pai permitidos <meta charset>, <meta http-equiv>: um elemento <head>. Se o http-equiv não for uma declaração de codificação, ele pode estar dentro de um elemento <noscript>, dentro de um elemento <head>.
Papéis ARIA permitid Nenhum
Interface DOM HTMLMetaElement

Atributos

Esse elemento inclui os atributos globais.

Nota: o atributo global name tem um significado específico para o elemento <meta>, e o atributo itemprop não deve ser definido no mesmo elemento<meta> que tem algum desses atributos existentes: name, http-equiv ou charset.

charset

Este atributo define a codificação de caracteres usada na página. Pode ser substituído localmente usando o atributo lang em qualquer elemento. Esse atributo é literalmente uma amarra e deve ser um dos MIME names preferidos para uma codificação de caracteres como definido pela IANA (defined by the IANA). Embora o padrão não solicite uma codificação específica, ele dá algumas sugestões: 
  • Autores são encorajados a usar UTF-8.
  • Autores não devem usar codificações incompatíveis com ASCII (
    isto é, aqueles que não mapeiam os pontos de código de 8 bits 0x20 a 0x7E para os pontos de código Unicode 0x0020 a 0x007E), pois representam um risco de segurança: navegadores que não os suportam podem interpretar conteúdo benigno como Elementos HTML. Esse é o caso de pelo menos os seguintes caracteres: JIS_C6226-1983, JIS_X0212-1990, HZ-GB-2312, JOHAB, a família ISO-2022 e a família EBCDIC.
  • Autores não devem usar CESU-8, UTF-7, BOCU-1 e SCSU, also falling in that category and not intended to be used on the web. Cross-scripting attacks with some of these encodings have been documented.
  • Autores não devem usar UTF-32 pois nem todos algorítimos de codificção HTML5 conseguem distingui-lo do UTF-16.
Notas:
  • O conjunto de caracteres declarado deve corresponder ao da página. Não há motivo válido para declarar um conjunto de caracteres imprecisos.
  • Esse elemento <meta> deve estar dentro do elemento <head> e dentro dos primeiros 1024 bytes da página, pois alguns navegadores só olham para esses primeiros bytes antes de escolher um caractere definido para a página.
  • Esse elemento <meta> é apenas uma parte do algoritmo para determinar o conjunto de caracteres de uma página que os navegadores aplicam. O cabeçalho HTTP Content-Type e quaisquer elementos da BOM têm precedência sobre esse elemento.
  • É uma boa prática, e altamente recomendável, definir o conjunto de caracteres usando este atributo. Se nenhum conjunto de caracteres estiver definido para uma página, várias técnicas de scripts cruzados poderão prejudicar o usuário da página, como a técnica de cross-scripting de fallback UTF-7. Sempre definindo esta meta irá proteger contra esses riscos.
  • Esse elemento <meta> é um sinonimo para o pre-HTML5 <meta http-equiv="Content-Type" content="text/html; charset=IANAcharset"> onde o atributo  IANAcharset corresponde ao valor equivalente de charset. Essa sintaxe ainda é permitida, embora obsoleta e não mais recomendada.
content
Esse atributo fornece o valor associado ao atributo http-equiv ou name, dependendo do contexto.
http-equiv
Este enumerado atributo define a pragma isso pode alterar o comportamento de servers e user-agents. o valor do pragma é definido usnado content e pode ser um dos seguintes:
"content-language"
este pragma define a linguagem defaul da pagina
não use este pragma, ele esta absoleto. use o global atributo lang no <html> inves deste.
"Content-Security-Policy"
Este valor permite os administradores do web site a definir o conteudo politico para servido recursos. com algumas exeçoes, politicas involvem especificos origins de servers e escripts endpoints. isso ajuda na defesa de cross-server scripting attacks.
"content-type"
Esse atributo define o MIME type do documento, eventualmente seguido por estes caracteres. isso segue a mesma syntax como o HTTP content-type entity-header field, mas isto esta dentro de um elemento HTML, a maioria dos valores não é possivel. sendo assim a syntax valida para este conteudo é a literal string 'text/html' eventualmente seguido por estes caracteres com a seguinte syntax:'; charset=IANAcharset' onde IANAcharset é o MIME preferido nome para um conjunto de caracteres como  definido pela IANA.
nota de uso:
  • Nao use esta pragma ela esta absoleta. use charset atributo <meta> element instead.
  • como o <meta> pode nao ser usado para mudar o tipo de documento no XHTML, ou em um documento de HTML5 seguindo uma syntax de XHTML, nunca marque MIME type para um XHTML MIME type desta forma. isso sera incoerente.
  • somente um documento HTML pode usar o content-type, entao a maioria disto é redundante: isso porque esta absoleto e trocado pelo atributo charset.
"default-style"
Este pragma preferencia de stylesheet a ser usado na pagina. o atributo content  deve conter o title de um <link> elemento de quem href atributo link um CSS stylesheet, ou um title de um elemento <style> do qual contem um CSS stylesheet.
"refresh"
este pragma especifica:
  • o numero de segundos ate a pagina ser re carregada, se o atributo content contem apenas um numero inteiro positivo;
  • o numero de segundos ate a pagina ser redirecionada para outro lugar, se o atributo content contem um inteiro positivo seguido de uma string ';url=' e uma URL valida.
"set-cookie"
este pragma define um cookie para a pagina. este conteudo deve seguir a syntax definida em IETF HTTP Cookie Specification.
Note: não use este pragma esta absoleto. Use HTTP header set-cookie instead.
name
Este atributo define o nome do document-level metadata. isso nao deve ser marcado se um dos atributos itemprop, http-equiv ou charset ja estao preparados.
este document-level metadata name é asociado a um valor, contido pelo atributo content. os possiveis valores para o elemento name sao, com seu valor asociado, guardado via content attribute:
  • application-name, define o nome da aplicação que esta rodando na pagina;
    Note:
    • Browsers podem usar isso para indentificar a aplicaçao. isso é diferente do elemento <title>, que geralemnte constitui no nome da aplicaçao, mas tambem contem  informaçoes especificas como o nome do documento ou status;
    • Simple webpages nao deveriam definir application-name meta.
  • author, definindo, em formato livre, o nome do author do documento;
  • description, contem uma curta e precisa descriçao do conteudo da pagina. varios browsers, como o Firefox e o Opera, usam este meta como descriçao padrao da pagina quando é marcada.
  • generator, contendo, em um formato livre, o indentificador do software que gerou a pagina;
  • keywords, contendo, como strings separadas por virgula, palavras relevantes asociadas ao conteudo da pagina;
  • referrer controlando o conteudo de um HTTP Referer HTTP header anexado a qualquer pedido enviado deste documento:
    valores para content attribute de <meta name="referrer">
    no-referrer não envia um HTTP Referer header.
    origin envia a origin de um documento.
    no-referrer-when-downgrade Envia a origem como referenciador para um destino prioritariamente tão seguro (https-> https), mas não envie um referenciador para um destino menos seguro (https-> http). Este é o comportamento padrão.
    origin-when-crossorigin

    Envia uma URL completa (sem parâmetros)
    ao executar uma solicitação de mesma origem,
    mas envie apenas a origem do documento para outros casos.

    unsafe-URL

    Envia um URL completo (sem parâmetros) ao executar uma solicitação de mesma origem ou origem cruzada.

    Note: algun browsers suportam keywords always, default, e never para referenciar. estes valores estao descontinuados.  

    Note: dinamicamente inseridos <meta name="referrer"> (por document.write ou appendChild) cria um nao-determinismo qunado isso vem para enviar referencias ou nao. note tambem qunado muitas politicas conflitantes sao definidas, o No-referrer politia é aplicada.

o atributo tambem pode ter um valor retirado de uma extensa lista definida em WHATWG Wiki MetaExtensions page. Embora nenhum tenha sido formalmente aceito ainda, alguns nomes comumente usados ​​estão entre as propostas:

  • creator, definindo, em um formato livre, o nome do criador do documento. note que tambem pode ser o nome de uma instituiçao. se ha mais de uma, muitas elemntos <meta> podem ser usados;
  • googlebot, é um sinonimo de robots, mas so é seguido por  Googlebot, o indexador crawler do Google;
  • publisher, definido, en um formato livre, o nome do editor do documento. note tambem pode ser o nome de uma instituição;
  • robots, definindo o comportamento que crawlers devem ter com a pagina. é separado por virgula a lista de valores seguintes:
    Valores para content de <meta name="robots">
    Value Description Used by
    index permite o robo indexar uma pagina All
    noindex previne o robo de indexar uma pagina All
    follow permite o robo a seguir os links da pagina All
    nofollow previne o robo a seguir os links da pagina All
    noodp previne o uso de descriçao Open Directory Project, caso existam, como descriçao da pagina o resultado na ferramenta de busca.

    Google, Yahoo, Bing

    noarchive previne a ferramenta de busca pecar o conteudo da pagina Google, Yahoo
    nosnippet

    Impede a exibição de qualquer descrição da página na página de resultados do mecanismo de pesquisa

     

    Google
    noimageindex previne esta pagina de aparecer como referencia de alguma imagem indexada Google
    nocache sinonimo de noarchive Bing
    Notes:
    • Somente robôs cooperativos seguirão as regras definidas pelo nome do robô. Não espere manter as colheitadeiras de e-mail à distância com isso.

       

    • O robô ainda precisa acessar a página para ler o valor meta. Se você quiser mantê-los sob controle, por exemplo, para evitar o consumo de largura de banda, use um arquivo robots.txt (ou em complemento).

       

    • Se você quiser remover a página de um índice, a alteração do meta para noindex funcionará, mas somente quando o robô visitar a página novamente. Verifique se o arquivo robots.txt não está impedindo essas visitas. Alguns mecanismos de busca possuem ferramentas para desenvolvedores, permitindo uma remoção rápida de algumas páginas.

       

    • Alguns valores possíveis são mutuamente exclusivos, como usar index e noindex, ou follow e nofollow, ao mesmo tempo. Nestes casos, o comportamento do robô é indefinido e pode variar de um para o outro. Então evite esses casos.

       


    • Alguns robôs rastreadores de mecanismos de pesquisa, como os do Google, Yahoo Search ou Bing, suportam os mesmos valores em uma diretiva HTTP, X-Robot-Tags: isso permite que eles usem esses pragma em documentos não HTML, como imagens
  • slurp, qual é um sinonimo de robots, mas somente seguido por Slurp, o indexador crawler para Yahoo Search;

 

Finalmente, alguns nomes estão em uso comum, embora não estejam sendo padronizados:

 

  • viewport, que dá dicas sobre o tamanho inicial do viewport. Este pragma é usado apenas por vários dispositivos móveis.
    Valores para content de <meta name="viewport">
    Value Possible values Description
    width um numero inteiro positivo ou o literal   device-width define a largura em pixel de um viewport
    height um numero inteiro positivo ou o literal            device-height define a altura em pixel de um viewport
    initial-scale um numero positivo entre   0.0 e 10.0

    define a relação entre a largura do dispositivo (largura do dispositivo no modo retrato ou altura do dispositivo no modo paisagem) e o tamanho da janela de visualização

    .
    maximum-scale um numero positivo entre   0.0 e 10.0 define o valor maximo de  zoom; deve ser maior ou igual ao minimum-scale ou o comportamento sera indeterminado.
    minimum-scale um numero positivo entre   0.0 e 10.0 define o valor minimo do zoom; deve ser menor ou igual ao maximum-scale ou o comportamento sera indeterminado
    user-scalable um valor booleano (yes or no) se setado no, o usuario nao podera usar zoom na pagina. o valor padrao é yes.
    Specification Status Comment
    CSS Device Adaptation
    The definition of '<meta name="viewport">' in that specification.
    Rascunho atual Non-normatively describes the Viewport META element
    See also: @viewport
    Notes:
    • Embora não seja padronizado, esse atributo é usado por diferentes navegadores móveis, como o Safari Mobile, o Firefox para celular ou o Opera Mobile.

    • Os valores padrão podem mudar de um dispositivo e navegador para outro.

       

    • Para aprender sobre esse pragma no Firefox para celular, veja  este artigo.

scheme

Este atributo define o esquema no qual os metadados são descritos. Um esquema é um contexto que leva às interpretações corretas dos content valores, como um formato.

Notes: Não use este atributo pois esta absoleto.

Não há substituto para isso, pois não houve uso real para isso. Omitir completamente.

Notes

Dependendo do conjunto escolhido, o tipo de matadata pode ser uma das seguntes:

  • se name é definido, isto é document-level metadata, aplicando para a pagina inteira.
  • se http-equiv é definido, isto é um pragma diretiva, i.e. normalmente informação dada pelo web server sobre como a pagina web deve ser entregue.
  • se charset é definido, isto é uma declaração de charset, i.e. o charset usado para o formulário serializado da página da Web

     

  • se itemprop é definido, isto é user-defined metadata, transparente para o user-agent, pois a semântica dos metadados é específica do usuário.

Exemplos

<!-- In HTML5 -->
<meta charset="utf-8">

<!-- redireciona a pagina depois de 3 seconds -->
<meta http-equiv="refresh" content="3;url=https://www.mozilla.org">

Especificações

Specification Status Comment
Referrer Policy
The definition of '<meta name="referrer">' in that specification.
Candidata a Recomendação Define valores e semantica <meta name="referrer">.
HTML Living Standard
The definition of '<meta>' in that specification.
Padrão em tempo real Adiciona o atributo itemprop
HTML5
The definition of '<meta>' in that specification.
Recomendação Adiciona o atributo charset 
HTML 4.01 Specification
The definition of '<meta>' in that specification.
Recomendação  

Compatibilidade de Browser

Estamos convertendo nossos dados de compatibilidade para o formato JSON. Esta tabela de compatibilidade ainda usa o formato antigo, pois ainda não convertemos os dados que ela contém. Descubra como você pode ajudar!

Feature Chrome Edge Firefox (Gecko) Internet Explorer Opera Safari
Basic support (Yes) (Yes) 1.0 (1.7 or earlier) (Yes) (Yes) (Yes)
name="referrer" 17 Não suportado 36.0 (36.0) [1] ? ? ?

Constrangido aos valores listados no referenciador (conforme especificado na especificação)

 

46.0 Não suportado        
Feature Android Android Webview Edge Firefox Mobile (Gecko) IE Mobile Opera Mobile Safari Mobile Chrome for Android
Basic support (Yes) (Yes) (Yes) 1.0 (1.0) (Yes) (Yes) (Yes) (Yes)
name="referrer" ? (Yes) Não suportado 36.0 (36.0) [1] ? ? ? (Yes)

Constrangido aos valores listados no referenciador (conforme especificado na especificação)
Não suportado 46.0 Não suportado ? ? ? ? 46.0

[1] O valor referrer  não foi levado em conta quando a navegação estava acontecendo através do menu de contexto ou clique do meio até o Firefox 39.

 

See also