Web Components

Esta tradução está incompleta. Ajude a traduzir este artigo em inglês

Web Components são uma suíte de diferentes tecnologias que permite a criação de elementos customizados reutilizáveis — com a funcionalidade separada do resto do seu código — e que podem ser utilizados em suas aplicações web.

Conceitos e uso

Como desenvolvedores, sabemos que é uma boa ideia reutilizar o código o máximo que pudermos. Tradicionalmente, isso não tem sido fácil quando o assunto são estruturas de marcação customizadas — pense no complexo HTML (e estilo e script associados) que, às vezes, deve ser escrito para renderizar controles UI customizados e em como utilizá-los repetidas vezes pode tornar sua página uma bagunça se você não tomar cuidado.

Web Components buscam resolver esses problemas — são formados por três tecnologias principais, que podem ser usadas em conjunto para criar elementos customizados versáteis, com funcionalidade encapsulada, que podem ser reutilizados onde você quiser sem preocupação com conflito de código.

  • Elementos customizados: Um conjunto de APIs JavaScript que permite definir elementos customizados e seus respectivos comportamentos, podendo ser utilizados de diferentes formas na interface da aplicação.
  • Shadow DOM: Um conjunto de APIs JavaScript para incorporar uma árvore DOM "fantasma" encapsulada a um elemento — que é renderizada separadamente do DOM do documento principal — e controlar a funcionalidade associada. Nesse caso, você pode manter os recursos de um elemento privados, fazendo com que seu comportamento e estilo possam ser escritos sem medo de causar conflito com outras partes do documento.
  • Templates HTML: Os elementos <template> e <slot> permitem que você escreva templates de marcação que não são exibidas na página. Elas podem então ser reutilizadas várias vezes como modelo de estrutura de um elemento customizado.

A abordagem básica para se implementar um componente web geralmente se parece com isso:

  1. Crie uma classe ou uma função na qual você especifica a funcionalidade de seu componente web. Se optar por usar classe, utilize a sintaxe definida pelo ECMAScript 2015 (veja Classes para mais informações). 
  2. Registre seus elemento customizado através do método CustomElementRegistry.define(), passando o nome do elemento a ser definido, a classe ou função na qual sua funcionalidade foi especificada, e opcionalmente, de qual elemento ele herda suas propriedades.
  3. Se necessário, incorpore um shadow DOM ao elemento customizado usando o método Element.attachShadow(). Adicione elementos filhos, listeners, etc., ao shadow DOM usando métodos normais de DOM.
  4. Se necessário, defina um template HTML usando <template> e <slot>. Novamente, use os métodos normais de DOM methods para clonar o template e inclui-la ao shadow DOM.
  5. Use seu elemento customizado onde você preferir em sua página, da mesma forma que usaria qualquer outro elemento HTML.

Tutoriais

Usando elementos customizados
Um guia que mostra como usar os recursos de elementos customizados para criar componentes web simples, além de como analisar o ciclo de vida das funções de retorno e outros recursos mais avançados.
Usando shadow DOM
Um guia que analisa os fundamentos do shadow DOM, mostrando como incorporá-lo a um elemento, adicioná-lo à árvore do shadow DOM, estilizá-lo, etc.
Usando templates e slots
Um guia que mostra como definir uma estrutura HTML reutilzável através dos elementos <template> e <slot>, e como utilizar essa estrutura dentro de elementos web.

Referência

Elementos customizados

CustomElementRegistry
Contém funcionalidade relacionada a elementos personalizados, principalmente o método CustomElementRegistry.define() usado para registrar novos elementos personalizados, para que possam ser usados ​​em seu documento.
Window.customElements
Retorna uma referência ao objeto CustomElementRegistry.
Callbacks do ciclo de vida
Funções callback especiais definidas dentro da definição de classe de elemento customizado, afetando seu comportamento:
  • connectedCallback: Invocada quando um elemento customizado é adicionao ao DOM do documento.
  • disconnectedCallback: Invocada quando o elemento customizado é desconectado do DOM do documento.
  • adoptedCallback: Invocada quando o elemento customizado é movido para um novo documento.
  • attributeChangedCallback: Invocada quando um dos atributos de um elemento customizado é adicionado, removido ou alterado.
Extensões para criação de elementos built-in customizados
  • O atributo HTML global is: Permite especificar que um elemento HTML padrão deve se comportar como um elemento built-in customizado registrado.
  • A opção "is" do método Document.createElement(): Permite criar uma instância de um elemento HTML standard que se comporta como um determinado elemento built-in customizado registrado.
CSS pseudo-classes
Pseudo-classes relacionadas especificamente a elementos customizados:
  • :defined: Corresponde a qualquer elemento que está definido, incluindo elementos built-in e elementos customizados que foram definidos com CustomElementRegistry.define()).
  • :host: Seleciona o host fantasma do shadow DOM contendo o CSS utilizado internamente.
  • :host(): Seleciona o host fantasma do shadow DOM contendo o CSS utilizado internamente (permitindo selecionar um elemento customizado de dentro de seu shadow DOM) — mas somente se o seletor que foi passado via parâmetro da função corresponder ao host fantasma.
  • :host-context(): Seleciona o host fantasma do shadow DOM contendo o CSS utilizado internamente (permitindo selecionar um elemento customizado de dentro de seu shadow DOM) — mas somente se o seletor que foi passado via parâmetro da função corresponder ao(s) ancestral(ais) do host fantasma relativo à posição que ele toma dentro da hierarquida do DOM.
CSS pseudo-elementos
Pseudo-elementos relacionados especificamente a elementos customizados:
  • ::part: Representa qualquer elemento dentro de uma shadow tree que tenha um atributo part correspondente.

Shadow DOM

ShadowRoot
Representa o nó raíz de uma sub-árvore DOM fantasma.
DocumentOrShadowRoot
Um mixin que define funcionalidades que ficam disponíveis através do documento e das raízes fantasma.
Extensões Element
Extensões à interface Element relacionado ao shadow DOM:
  • O método Element.attachShadow() vincula uma árvore DOM fantasma ao elemento especificado.
  • A propriedade Element.shadowRoot retorna a árvore fantasma raíz vinculada ao elemento especificado, ou null se não existir nenhuma árvore fantasma vinculada.
Adições relevantes Node
Adicionais à interface Node pertinentes ao shadow DOM:
  • O método Node.getRootNode() retorna a raíz do objeto contexto, que opcionalmente inclui a "raíz fantasma" (shadow root) se a mesma estiver dispinível.
  • A propriedade Node.isConnected retorna um boolean indicando se o Nó está ou não conectado (direta ou indiretamente) ao objeto contexto, ex. o objeto Document no caso de um DOM normal, ou o ShadowRoot no caso de um DOM fantasma (shadow DOM).
Extensões Event 
Extensões para a interface de Event relacionado a shadow DOM:
  • Event.composed: Retorna um Boolean que indica
    se o evento irá se propagar através dos limites do shadow DOM para dentro do DOM padrão (true), ou não (false).
  • Event.composedPath: Retorna o caminho do evento (objetos nos quais os listeners serão invocados). Não inclui nós na shadow tree se a shadow root foi criada com ShadowRoot.mode closed (fechado).

Templates HTML

<template>
Contém um fragmento HTML que não é renderizado quando um documento que o contém é inicialmente carregado, mas pode ser exibido em tempo de execução usando JavaScript, geralmente utilizado como base de estruturas de elementos customizados. A interface DOM associada é HTMLTemplateElement.
<slot>
Um placeholder dentro de um web component que você pode preencher com seu texto de marcação, permitindo criar árvores DOM separadas e apresentar delas juntas. A interface DOM associada é a HTMLSlotElement.
O atributo HTML global slot
Atribui um slot em uma árvore shadow DOM a um elemento.
Slotable
Um mixin implementado por ambos os nós Element eText definindo funcionalidades que permitem tornar-se conteúdo de um elemento <slot>. O mixin define um atributo, Slotable.assignedSlot, o qual retorna uma referência do slot em que o nó está sendo inserido.
Extensões Element
Extensões para a interface de Element relacionado a slots:
  • Element.slot: Retorna o nome do slot do shadow DOM associado ao elemento.
Pseudo-elementos CSS
Pseudo-elementos relacionados especificamente a slots:
  • ::slotted: Corresponde a qualquer conteúdo inserido naquele slot.
O evento slotchange
Disparado em uma instância HTMLSlotElement (elemento <slot>) quando há mudança no nó(s) contido naquele slot.

Exemplos

Estamos construindo alguns exemplos em nosso repo do GitHub web-components-examples.
Mais exemplos serão adicionados com o passar do tempo.

Especificações

Especificação Status Comentário
HTML Living Standard
The definition of '<template> element' in that specification.
Padrão em tempo real Definição de <template>.
HTML Living Standard
The definition of 'custom elements' in that specification.
Padrão em tempo real Definição de Elementos HTML Customizados.
DOM
The definition of 'shadow trees' in that specification.
Padrão em tempo real Definição de Shadow DOM.
HTML Imports Rascunho atual Definição inicial de HTML Imports.
Shadow DOM Obsoleto Definição inicial de Shadow DOM.

Compatibilidade entre navegadores

Em geral:

  • Web components são suportados por padrão pelo Firefox (versão 63), Chrome, e Opera.
  • Safari suporta muitas das funcionalidades de web component, porém menos do que os navegadores citados acima.
  • Edge está trabalhando na implementação.

Para obter informações detalhadas sobre o suporte de funções específicas nos navegadores, você deve consultar as páginas de referência listadas abaixo.

Veja também

  • webcomponents.org — site featuring web components examples, tutorials, and other information.
  • Hybrids — Open source web components library, which favors plain objects and pure functions over class and this syntax. It provides a simple and functional API for creating custom elements.
  • Polymer — Google's web components framework — a set of polyfills, enhancements, and examples. Currently the easiest way to use web components cross-browser.
  • Snuggsi.es — Easy Web Components in ~1kB Including polyfill — All you need is a browser and basic understanding of HTML, CSS, and JavaScript classes to be productive.
  • Slim.js — Open source web components library — a high-performant library for rapid and easy component authoring; extensible and pluggable and cross-framework compatible.
  • Smart.js — Web Components library with simple API for creating cross-browser custom elements.