Assim que você se sentir mais confortável programando nas tecnologias web básicas (como HTML, CSS e JavaScript), e pegar mais experiência, ler mais recursos, e souber mais dicas e truques, você começará a se deparar com todos os tipos de ferramentas, de CSS e JavaScript precompilados, a automação e testes de aplicações, além de outros assuntos mais avançados. Quando seus projetos começam a crescer e a ficarem mais complexos, você irá querer começar a aproveitar mais dessas ferramentas, e a elaborar planos de testes mais confiáveis para seu código. Esta parte do aprendizado está focada em te dar o que você precisa para iniciar e tomar decisões com melhores informações.

A indústria de internet é um excitante lugar de trabalho, mas não é por ter menos problemas. Muito pelo contrário. As tecnologias básicas que usamos para construir sites estão razoavelmente estáveis agora, mas novas funcionalidades estão sendo introduzidas o tempo todo, assim como novas ferramentas — que facilitam o trabalho, e ainda são construídas usando essas mesmas tecnologias — estão constantemente aparecendo. Além disso, nós ainda precisamos ter sempre em mente que essas tecnologias devem funcionar em todos os navegadores, e ter certeza que nosso código segue as melhores práticas que permitem nossos projetos funcionarem em todos os tipos de navegadores e dispositivos que nossos usuários estão usando para navegar na internet, e ainda serem usados por pessoas com deficiência.

Saber quais ferramentas você deve utilizar pode ser um processo bem difícil, então escrevemos esses artigos para te manter informado de quais tipos de ferramentas estão disponíveis, e o que elas podem fazer pra você, e como usar as preferidas do mercado.

Nota: pelo fato de novas ferramentas e tecnologias aparecerem e saírem de moda o tempo todo, nós, deliberadamente, escrevemos este material para ser o mais neutro possível — queremos focar, antes de mais nada, nos tipos de tarefas gerais que essas ferramentas podem ajudar você a terminar, e endereçar ferramentas específicas o menos possível. Obviamente precisamos mostrar o uso das ferramentas para demonstrar técnicas específicas, mas que fique claro que com isso não estamos necessariamente, recomendando as ferramentas usadas nas demonstrações como as melhores, ou como único jeito, de se fazer as coisas — na maioria dos casos existem outras formas de se fazer, mas queremos dar a você a forma mais clara que funciona.

Caminho de aprendizado

Você realmente deve aprender os conceitos básicos de HTML, CSS e JavaScript antes de utilizar as ferramentas descritas aqui. Isto é, você precisará conhecer os principios fundamentais dessas linguagens antes de começar a debugar problemas em códigos mais complexos da internet, ou usar alguma biblioteca JavaScript, ou escrever testes e rodá-los no seu código com executores de testes, etc.

Você realmente precisa de uma base forte de conhecimento nessas tecnologias antes de ir mais além.

Módulos

Ferramentas de Desenvolvimento Web do Mundo Real (TBD)
Neste módulo, exploramos os diferentes tipos de ferramentas de desenvolvimento web disponíveis. Isso inclui revisar os tipos de tarefas mais comuns que será pedido a você para resolver, como elas se complementam no trabalho, e as melhores ferramentas disponíveis atualmente para endereçar essas tarefas.
Testes de navegadores
Este módulo olha especificamente para a área de testes de projetos web sobre diferentes navegadores web. Neste módulo, procuramos identificar seu público alvo (por exemplo, quais usuários, navegadores e dispositivos você mais precisa se preocupar?), como elaborar os testes, os principais problemas que você vai enfrentar com tipos de código diferentes e como consertar ou mitigá-los, e como usar a automação para acelerar os testes.

Etiquetas do documento e colaboradores

Colaboradores desta página: GPrimola
Última atualização por: GPrimola,